• adm

Circuito Liberdade, em BH!

O Circuito da Liberdade é o espaço de museus e prédios arquitetônicos que rodeiam a Praça da Liberdade, em Belo Horizonte. O circuito foi criado em uma parceria público-provada, que tem o objetivo de incentivar a arte, ciência, cultura popular, museus, centros de memória, salas de exposição e espetáculos, espaços para oficinas e cursos. Uma bela opção de tour gratuito na capital mineira!


Belo Horizonte
A Praça da Liberdade

A Praça da Liberdade foi projetada para abrigar o centro administrativo, com a construção das secretarias de estado e do Palácio da Liberdade, sede e o símbolo do governo. Sua inauguração aconteceu em 1898 e, tendo sido palco de importantes acontecimentos políticos que marcaram a história de Minas Gerais e do Brasil, o local se tornou naturalmente um dos principais cartões postais da cidade.


Ao longo dos anos, mais órgãos de governo foram sendo construídos em volta da praça, como é o caso do Arquivo Público de Minas Gerais (1938), depois, a Biblioteca Pública Estadual (1954), desenhada por Oscar Niemeyer a pedido do governador Juscelino Kubitscheck. Em 1982, foi inaugurado o Museu Mineiro, ao lado do Arquivo Público. Na década passada, foi inaugurada o Museu das Minas e do Metal e o Espaço do Conhecimento UFMG, e no mesmo ano, o Memorial Minas Gerais Vale e o Centro de Arte Popular.


Centro Cultural Banco do Brasil

O prédio da antiga Secretaria de Estado de Defesa Social abriga Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). Assim como os demais Centros Culturais Banco do Brasil, o CCBB Belo Horizonte promoverá atividades nas áreas de artes plásticas, artes cênicas, música, ideias e programa educativo. A intenção é oferecer programação regular e diversificada, com exposições temporárias; teatro com capacidade para 300 lugares; espaços para atividade audiovisual, música, dança, teatro e espaços multiuso para debates, conferências, oficinas e palestras.


Fachada do Centro Cultural Banco do Brasil
Fachada do Centro Cultural Banco do Brasil

Praça da Liberdade
O CCBB fica ao lado da Praça da Liberdade

Espaço do Conhecimento UFMG

Erguido no antigo prédio da reitoria da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), o Espaço do Conhecimento UFMG, patrocínio TIM-UFMG mostra a criação do Universo, a vida na Terra e o meio ambiente em cenários interativos. Entre as atrações desse espaço estão o planetário e o observatório astronômico. Dentro do prédio de cinco andares, várias exposições reúnem passado, presente e futuro, contando a origem da vida e do homem e as consequências do relacionamento humano para o planeta.


Funcionamento: Terça a sexta das 10h às 17h. Sábado das 10h às 21h | Domingo das 10h às 17h.


No espaço existem visitas guiadas, tanto ao dia quanto à noite, para observar o céu

MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal

Implantado no prédio da antiga Secretaria de Educação, o museu abriga acervo sobre mineração e metalurgia, documentando duas das principais atividades econômicas de Minas. O museu utiliza a tecnologia para mostrar o universo das rochas, os processos de transformação dos minérios e a importância deles para a vida humana e o desenvolvimento social, econômico e cultural. Em ambientes virtuais, os visitantes podem interagir com os espaços criados.


Funcionamento: de terça-feira à domingo das 12h às 18h. Toda última terça-feira do mês das 12h às 17h.

Quinta-feira das 12h às 22h.



Palácio da Liberdade

O Palácio da Liberdade foi construído para ser a sede e o símbolo do governo. Sua inauguração aconteceu em 1898 e, tendo sido palco de importantes acontecimentos políticos que marcaram a história de Minas Gerais e do Brasil, hoje é um dos principais cartões postais da cidade, despertando o interesse dos visitantes do Circuito Liberdade. A arquitetura eclética do Palácio da Liberdade, projetado pelo arquiteto José de Magalhães, reflete a influência do estilo francês, com requintes de acabamento e riqueza de elementos decorativos.


Funcionamento: sábados e domingos, de 10h às 16h (visitas de 30 minutos em 30 minutos).



Memorial de Minas Gerais Vale

O antigo prédio da Secretaria da Fazenda foi restaurado e adaptado para mostrar ao público a história de Minas Gerais. O memorial utiliza recursos virtuais para reunir, em um mesmo espaço, parte da riqueza cultural do Estado, desde o século XVIII até o cenário contemporâneo, incluindo uma perspectiva futurista. Ambientes que misturam o real e o virtual reconstroem o universo de escritores mineiros, o mundo das fazendas, das tribos indígenas e quilombos, do barroco, das festas populares, do artesanato, da política, e da arqueologia do solo mineiro.


Funcionamento: terça-feira a sábado, das 10h às 17h30, com permanência até as 18h | Quinta-feira das 10h às 21h30 | Domingo das 10h às 15h30, com permanência até as 16h.


Museu Mineiro

O Museu Mineiro está localizado no corredor de acesso à Praça da Liberdade, em um belo casarão do final do século XIX que faz parte do conjunto arquitetônico original da cidade de Belo Horizonte. Foi residência oficial e posteriormente sede do Senado Mineiro.

O Museu possui um riquíssimo acervo que reúne imagens sacras, equipamentos litúrgicos, mobiliário, moedas, armas e achados arqueológicos. São mais de 3.500 peças, incluindo o acervo da Pinacoteca do Estado.

Sua coleção de arte sacra é memorável, com peças do barroco mineiro, e em sua pinacoteca destacam-se obras do mestre Ataíde e de importantes artistas mineiros como Celso Renato, Inimá de Paula, Amilcar de Castro, Márcio Sampaio, Carlos Bracher e Aníbal Mattos, além de renomados artistas brasileiros como Volpi e Di Cavalcanti.


Funcionamento: terça, quarta, quinta e sexta-feira, das 12h às 19h. Sábado e domingo, das 12h às 19h.


Arquivo Público Mineiro

Ao lado do Museu Mineiro está o Arquivo Público Mineiro, instituição cultural mais antiga de Minas. Criado em Ouro Preto, em 1895, está instalado também em antiga residência da época da construção de Belo Horizonte. Abriga milhares de documentos de origem pública e privada, do século XVIII ao século XX, abrangendo os períodos colonial, imperial e parte do republicano. Inclui ainda manuscritos e impressos, mapas, plantas, fotografias, gravuras, filmes, livros, folhetos e periódicos, todo este acervo disponível para consulta pública.


Funcionamento: de segunda a sexta-feira das 9h às 17h



O circuito completo conta com cerca de 15 espaços diferentes, que você pode conhecer visitando a página http://circuitoliberdade.mg.gov.br/pt-br/. No site do circuito tem os horários de funcionamento detalhado de cada atração, vale a pena conferir!


Bônus!

Edifício Niemeyer

Você sabe que Oscar Niemeyer é responsável por várias obras em Belo Horizonte, como o Complexo da Pampulha e a Cidade Administrativa, a lista completa você pode conferir aqui no site do Iepha.

Mas, Niemeyer também foi responsável pela projeção de um prédio residencial que fica ao lado da Praça da Liberdade, na qual recebeu seu sobrenome, o Edifício Niemeyer. Desenhado com curvas sinuosas, em homenagem às serras mineiras, o edifício se destaque em meio ao complexo de museus e acabou se tornando uma atração em torno da praça, basta passar na rua que esse gigante fica logo perceptível.


Edifício Niemeyer
Edifício Niemeyer


Fonte: Wikipédia/Iepha/Circuito Liberdade

Posts recentes

Ver tudo

pesquisa de hotéis